Ciência chega mais longe com o LiS

 

A formação dos primeiros oito docentes (de Lisboa, Oeiras e Sintra) decorreu, nos dias 9 e 10 de maio, no Centro Colaborativo do Instituto Gulbenkian de Ciência. Os participantes vão, agora, passar a incorporar o Lab in a Suitcase nas suas atividades educacionais e de investigação científica. No arranque desta iniciativa vão estar disponíveis 2 kits para empréstimo, por períodos de tempo que vão de 1 a 2 semanas.

O Lab in a Suitcase é um kit experimental de baixo custo, portátil e de fácil manutenção. Composto por equipamentos que permitem fazer experiências de biologia molecular e celular, sendo vários destes componentes sistemas em licenciamento aberto. Foi desenvolvido com o objetivo de democratizar a ciência através da capacitação e acesso a meios de forma independente de infraestrutura pré-existente.

Durante os dois dias de formação os docentes, do ensino secundário e universitário, desenvolveram atividades práticas de biologia molecular e de campo e sessões sobre ciência aberta. Por zoom participaram, com uma mesa-redonda, os 10 cientistas dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa que também já receberam e já estão a utilizar o kit Lab in a Suitcase na sua prática de investigação e ensino nos países de origem. Esta interação foi determinante para partilha de experiências e a criação de um sentido de grupo disponível para se apoiar no futuro.

Os testemunhos dos docentes sobre a formação revelam o seu impacto:

– “A formação, através da manipulação dos diversos instrumentos incluídos na mala e desenvolvimento de algumas atividades exemplificativas da sua utilização, reforçou a mais valia da sua utilização no contexto de sala aula de forma a tornar o ensino das ciências mais experimental. Foi, também, importante a partilha de ideias pelos investigadores (dos PALOP) que já utilizam a mala.”

– O painel de testemunhos das primeiras pessoas a utilizar o kit LiS foi, para o grupo de professores “muito interessante”, “muito motivador”, “Estimulante, abre os horizontes relativamente às diversas possibilidades de utilização dos componentes da mala.” Além de “muito úteis para compreender o alcance da utilização da mala.”

O Lab in a Suitcase é um projeto que nasce em 2019, pela mão de investigadores do IGC e com o objetivo de promover o conhecimento científico. Juntou dois importantes parceiros, a Merck Family Foundation e a Câmara Municipal de Oeiras, na busca de uma missão conjunta: a democratização da ciência. Em 2020 começou a ganhar forma com o desenvolvimento e teste do equipamento e protocolos que incorpora. Em 2021 iniciaram-se as formações de 10 investigadores da Guiné Bissau, Moçambique, Angola, Cabo Verde e São Tomé, culminando com a atribuição do prémio de Responsabilidade Social (Os Melhores & As Maiores do Portugal Tecnológico, Exame Informática).

 

Ver reportagem vídeo
Atualização em 26 maio 2022

Definição de Cookies

Definição de Cookies

A Fundação Calouste Gulbenkian usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras.