12 julho 2018

A Cultura Arménia em Portugal

Atividades apoiadas em 2018

A generalidade das atividades organizadas pelo serviço das Comunidades Arménias, incluindo a atribuição de subsídios, tem lugar num plano internacional.No entanto, continuámos empenhados em partilhar a cultura Arménia com o público português. Este ano apoiámos e organizámos iniciativas para dar a conhecer um pouco da cultura e da história arménias em Portugal.

A programação do Jardim de Verão conta com a atuação do violoncelista Artyom Manukyan, que vem tocar pela primeira vez a Lisboa. Artyom Manukyan será acompanhado por Vardan Ovsepian (piano) e Christian Euman (bateria), dando corpo a um trio que vai tocar músicas do álbum de estreia de Manukyan, “Citizen” e arranjos musicais inéditos do pianista Vardan Ovsepian, no Anfiteatro ao Ar Livre no dia 21 de Julho. Mais informação em: Jardim de Verão.

Ainda este ano, apoiámos a publicação do livro “Arménia: Povo e Identidade,” da autoria de António Loja Neves e Margarida Neves Pereira,  que proporciona ao leitor uma ampla introdução à história e cultura arménia. O livro conta com um prefácio escrito pelo Razmik Panossian e está dividido em quatro partes: história, cultura, identidade e laços com Portugal. O livro já se encontra à venda em Portugal.

Um curso de aprendizagem da língua Arménia vai ser organizado, para o ano académico 2018-2019, pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, em colaboração com a Associação de Amizade Portugal-Arménia. O serviço das Comunidades Arménias vai apoiar a contratação do docente para lecionar o curso.

No âmbito do programa de bolsas de curta duração, Short Term Conference and Travel Grants, foram atribuídas três bolsas a estudantes vindos da Arménia para participarem num curso de verão em Portugal: VII International Summer School-Contemporary world through gender lenses: new challenges to women’s movement. O curso realizou-se durante o mês de julho 2018, em Ponte Lima, e foi organizado pelo Ivanovo Center for Gender Studies, em parceria com a Universidade Fernando Pessoa. O serviço também manteve o programa de atribuição de bolsas para estudantes universitários que estudam em Portugal.

Por fim, recebemos frequentemente visitantes na Fundação Calouste Gulbenkian, e quando os horários permitem, temos todo o gosto em recebe-los pessoalmente e providenciar mais informações sobre os nossos projetos. No mês passado, recebemos um grupo de 27 participantes, vindos de cinco universidades Arménias, no âmbito do projeto BOOST Marketing and Cultural Challanges in Higher Education Internationalization, organizado pelo Instituto Superior Técnico. Depois de uma breve apresentação o grupo teve a oportunidade de visitar o Museu Calouste Gulbenkian e o Jardim Gulbenkian.